Categorias
Investimentos Renda Fixa

A Renda Fixa estava morta? Não para nossos clientes

Na reunião de ontem, o Banco Central elevou a taxa básica de juros pela primeira vez após 6 anos, em 0,75%, para 2,75% aa. A decisão de elevação era esperada, mas surpreendeu a maior parte dos mercados na intensidade – esperava-se uma elevação de 0,5%. Assim, o BC, agora com independência garantida por lei, indica claramente o compromisso em combater o avanço da inflação, que já chegou a 5,2% nos últimos 12 meses.

A XP Investimentos espera, em consonância com a maior parte dos analistas, que este seja apenas o início de um ciclo de alta. Estima-se que a Selic pode chegar a 5% até o fim do ano. Contudo, como a expectativa de inflação é de 4,9%, os juros reais devem continuar próximos de zero. Com isso, o cenário continua favorável para investimentos em Renda Variável. Mas não se engane: a Renda Fixa não morreu, ao menos para nossos clientes.

Por meio da XP Investimentos, temos acesso a uma ampla plataforma de produtos de Renda Fixa de diversos emissores, que proporcionam retornos surpreendentes e segurança garantida pelo Fundo Garantidor de Créditos (para títulos bancários). Além disso, o cliente também pode usufruir de oportunidades únicas por meio do Mercado Secundário. Nele, podem ser adquiridos títulos de outros investidores que precisam resgatar o capital antes do vencimento dos títulos. Assim, os títulos apresentam retornos maiores que no Mercado Primário – quando o investidor o adquire diretamente do emissor (um banco, por exemplo).

Com informações de InfoMoney.

2 respostas em “A Renda Fixa estava morta? Não para nossos clientes”

Olá, Cíntia! Agradecemos pelos elogios! Gostaria de saber mais? Fique à vontade para entrar em contato conosco! Você pode enviar um e-mail para um de nossos assessores (na página “Assessores”) ou nos chamar pelo WhatsApp – é só clicar no botão que vibra na tela. Será um prazer conversar com você! Grande abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *